Tatá Aeroplano

Notícias do Tatá

Conexões Cósmicos – Sonho Realidade com Guilhermoso Wild

Mudo para um pequeno apartamento com Guilhermoso Wild, numa rua que parece muito a Frei Antônio, onde meu pai nasceu e passei meus primeiros anos de vida, fica quase na esquina com a Avenida do Estado, pertinho do rio Tamanduateí. Ao mesmo tempo, esse pequeno apartamento está localizado também ao lado do rio Lavapés, no bairro de mesmo nome em Bragança Paulista.
.
Recebemos a missão de avisar para as pessoas da cidade que elas devem ficar em casa por conta da epidemia. Estamos vivendo nos anos 30. Os carros que circulam lembram os fords 29 e as pessoas se vestem usando roupas de tons únicos e chapéus de todos os tipos.
.
Andamos por algumas ruas do centro de São Paulo e vamos conversando com os transeuntes que passam pela gente, são conversas intermináveis, que duram muito tempo e ficamos exaustos. No fim da tarde voltamos para casa com uma sacola de cervejas.
.
Na sala do apartamento, pouco iluminado, tem uma pequena televisão em preto e branco que a gente tenta sintonizar, mas dela só sai áudio, como se fosse um rádio. Aproveitamos para escutar as notícias e as músicas que tocam são dos anos 80, canções que nunca tinha escutado antes, o Guilhermoso dá risada e diz: – “Tatá! Estamos nos anos 30, a Tv é dos anos 60 e as músicas dos anos 80!”.
.
Minha mãe aparece pra deixar um pouco de chá pra gente e diz que temos que avisar os vizinhos do prédio da esquina pra eles não saírem muito pra comprar cigarros, pois são todos fumantes e viciados em cigarros como ela.
.
Olho da janela do nosso apartamento pro prédio da frente, que tem quatro andares, é uma construção de cimento a vista, cinza. Todos os moradores estão em suas janelas, com o corpo para fora, alguns sem camisa, fumando, conversando entre si e batendo as bitucas das sacadas pra rua, uma verdadeira festa. Das janelas, sons de tvs, rádios e música rolando com o início da noite chegando. Pela janela do nosso apartamento dá pra ver o rio passando.
.
As ruas agora estão desertas. Anoitece. Todos dentro de casa. Eu saio com o Guilhermoso pra continuar nossa missão pra conscientizar as pessoas a ficarem em casa.
.
Chegamos no boteco da esquina que está aberto, pedimos uma cerveja pra viagem.
.
Perco a conexão
.
21 de Março de 2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *